Home Diversos Marlon lamenta queda nas quartas, mas exalta campanha do Retrô no Pernambucano: “Saldo positivo”

Marlon lamenta queda nas quartas, mas exalta campanha do Retrô no Pernambucano: “Saldo positivo”

por Nilton Castelo

Zagueiro e capitão da Fênix citou também “decisões equivocadas” por parte da arbitragem na derrota por 1 a 0 para o Afogados.

 

A caminhada do Retrô em sua primeira participação na elite do Campeonato Pernambucano chegou ao fim na noite do último domingo (26), após cair nas quartas de final para o Afogados, por 1 a 0, na Arena Pernambuco.

O zagueiro Marlon lamentou a derrota, mas fez questão de ressaltar o bom desempenho do time na partida. Segundo o jogador, a equipe dominou as ações do confronto, porém, esbarrou na falta de sorte nas finalizações.

“Uma pena porque tínhamos condições de estar nas semifinais. A gente conseguiu impor nosso estilo de jogo, mas infelizmente foi uma daquelas noites em que simplesmente a bola não entra. Tivemos azar nas conclusões e não conseguimos transformar as várias chances criadas em gol. Enquanto isso, o adversário aproveitou uma das poucas oportunidades que tiveram”, lamenta o defensor

Para o capitão da Fênix, outra situação decisiva para o revés foi a arbitragem de Michelangelo Almeida, bastante contestada pelo Retrô, que reclama de um pênalti não marcado em Fabiano, logo nos primeiros minutos da etapa inicial, além de ter pedido a expulsão de Júnior Juazeiro, depois de uma falta dura em Marcelo, onde o atleta da Coruja levou apenas o cartão amarelo.

“Acredito também que um fator importante no jogo foi a atuação da arbitragem, com algumas decisões equivocadas. Numa fase decisiva como essa, erros tão pontuais são determinantes e acabam mudando o rumo da partida”, afirma Marlon.

Mesmo com a eliminação, Marlon fez um balanço positivo da campanha no estadual, onde a Fênix possui o melhor ataque da competição até o momento, com 20 gols marcados, e já assegurou uma vaga na Série D do Brasileiro do ano que vem. O clube de Camaragibe ainda pode garantir também um lugar na Copa do Brasil de 2021, caso Santa Cruz e Salgueiro façam a final do Pernambucano.

“Estamos tristes com a eliminação, mas acho que fica um saldo positivo por tudo o que conquistamos até aqui. Saímos de cabeça erguida e sentimento de dever cumprido. Atingimos um dos objetivos traçados pelo clube e fico muito feliz com o que realizamos. Agora nossa torcida é para que a gente consiga também uma vaga na Copa do Brasil, que seria algo incrível”, comenta o capitão

 Foto; Marlon atuando – (Abne Lima/Retrô FC) 
Leader Press Comunicação
0 Comentário(s)
1

Você pode gostar

Deixe um comentário