Home Diversos Eis que a Formula 1 começa

Eis que a Formula 1 começa

por Nilton Castelo

Eis que a Formula 1 começa em julho de dois mil e vinte, no Red Bull Ring, na cidade de Spielberg. 

Grande Prêmio da Áustria, que já se chamou: Zeltweg, Österreichering, A1-Ring e por derradeiro, ainda se chama Red Bull Ring, e fica na cidade de Spielberg.
Ao ver assistir à corrida constatei a falta de confiabilidade dos carros, somente metade dos que largaram, chegaram. E que a Ferrari está uma draga! Ai alguns dirão: “Ah mas Charles Leclerc foi o segundo colocado” Concluo que foi SORTE! E que ele é um baita piloto!
A corrida começou com os pilotos usando camiseta preta, com mensagens de que “Vidas Negras Importam”, e ajoelhados na pista, num protesto antirracista.
Lewis Hamilton fez a Mercedes pintar as “flechas de prata” de preto, para a equipe não ficar apenas em frases antirracistas, li que que Hamilton conseguiu isso numa única ligação para a “firma”, ele é o nome do esporte na atualidade!
Tá mas precisamos falar de Bottas o vencedor. O enfadonho Valtteri Bottas, parabéns a ele, por ter conseguido ficar à frente de Hamilton, mas segura a bronca o resto da temporada? Provavelmente não!
Hamilton terminou a corrida cruzando a linha em segundo, mas finalizando (punido) em quarto, pelo toque em Alexandre Albon, e o grande destaque, da corrida foi Lando Noris (McLaren) pela primeira vez no pódio da F1. Vibrei como vibrei ao ver Max Vertappen, em 2016 vencendo uma corrida aos dezoito anos.
Excluindo Leclerc, de Ferrari, os primeiros seis carros ao final da corrida, tinham motores Mercedes (alguma semelhança com o ano passado? Sim, total). Será uma reprise, com uma Ferrari que não é mais tão veloz em retas.
Houve torcida? Sim em casa pela TV! O grande “circo da Formula 1”, que é quem viaja corrida a corrida trabalhando nisso, foi reduzido a vinte por cento, do que foi em tempos “normais”. Todo mundo está usando máscara, e entrevistas com o entrevistado num microfone de pedestal de um lado, e o repórter há mais de dois metros de outro, e por fim a premiação do pódio na pista em pequenos círculos elevados. (Mas sem tanta Pompa e Circunstância como é em Mônaco).
Das vinte e duas corridas programadas para este ano, estão confirmadas apenas oito, e tudo pode mudar! Podendo haver mais cancelamentos e inclusões. Semana que vem teremos, Formula 1 novamente, num GP de nome diferente, (Agora GP da Estíria), mas no mesmo endereço. (Em Spielberg), como se fosse uma rodada dupla.

 

Resultados ENCERRADO
Pos Piloto Tempo Pts
1
V. Bottas

Mercedes·#77
1:30:55.739 25
2
C. Leclerc

Ferrari·#16
+2.700s 18
3
L. Norris

McLaren·#4
+5.491s 16
4
L. Hamilton

Mercedes·#44
+5.689s 12
5
C. Sainz Jr.

McLaren·#55
+8.903s 10
6
S. Perez

Racing Point·#11
+15.092s 8
7
P. Gasly

AlphaTauri·#10
+16.682s 6
8
E. Ocon

Renault·#31
+17.456s 4
9
A. Giovinazzi

Alfa Romeo·#99
+21.146s 2
10
S. Vettel

Ferrari·#5
+24.545s 1
11
N. Latifi

Williams·#6
+31.650s 0
12
D. Kvyat

AlphaTauri·#26
Não concluiu 0
13
A. Albon

Red Bull·#23
Não concluiu 0
14
K. Raikkonen

Alfa Romeo·#7
Não concluiu 0
15
G. Russell

Williams·#63
Não concluiu 0
16
R. Grosjean

Haas·#8
Não concluiu 0
17
K. Magnussen

Haas·#20
Não concluiu 0
18
L. Stroll

Racing Point·#18
Não concluiu 0
19
D. Ricciardo

Renault·#3
Não concluiu 0
20
M. Verstappen

Red Bull·#33
Não concluiu
De Sorocaba, Márcio Celso Castanho Barros Haddad, para o Repórteres em Ação.
(Foto: Divulgação/Formula1)
0 Comentário(s)
3

Você pode gostar

Deixe um comentário