Home Esporte XV empata com o Red Bull fora de casa e conhece nova sequência do Paulistão A2; equipe volta a campo na segunda-feira

XV empata com o Red Bull fora de casa e conhece nova sequência do Paulistão A2; equipe volta a campo na segunda-feira

por Marcelo Sá

(Foto: Elcio Fabretti. Texto: Evandro Pelligrinotti / XV de Piracicaba)

O XV de Piracicaba empatou sem gols com o Red Bull na noite da última sexta-feira, 30, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela décima rodada do Paulistão A2, fechando a sequência de rodadas entre 48 horas pela competição. A Federação Paulista de Futebol divulgou que as rodadas 11, 12 e 13 acontecerão nos dias 3, 6 e 9 de maio, respectivamente. O Nhô Quim volta a campo na próxima segunda-feira, às 20h00, diante do São Bernardo FC, em Piracicaba.

Em seguida, enfrentará o Rio Claro, às 22h00, no estádio Antônio Lins Ribeiro Guimarães, em Santa Bárbara d’Oeste, e o Juventus, às 20h00, no Estádio Municipal Barão da Serra Negra. A penúltima e a última rodada da primeira fase, quando o Alvinegro Piracicabano, que está em quarto lugar, com 19 pontos, encara, pela ordem, Audax, no estádio Municipal Prefeito José Liberatti, em Osasco, e Atibaia, em casa, serão nos dias 12 e 15, com horários a serem definidos.

O jogo

Logo com um minuto de partida, os donos da casa tiveram falta a favor na entrada da área. Moreira bateu rasteiro e Matheus Nogueira encaixou, com tranquilidade. Dez minutos depois, Juninho Potiguar respondeu pelo lado do XV, arriscando o chute de longa distância. Fabrício caiu e espalmou. Aos 15 minutos, foi a vez de Eliton Júnior tentar superar o goleiro quinzista em cobrança de falta próxima ao gol, porém, novamente, o camisa um do Nhô Quim defendeu.

Mazinho, aos 29, não fez por menos, ao receber pela ponta direita de ataque, conduzir a bola por dentro e finalizar rasteiro. O arqueiro adversário mandou para escanteio. O próprio Mazinho bateu, a bola passou pelo goleiro e ficou com Juninho Potiguar na segunda trave. O atacante tocou por cobertura, mas Kauan tirou a bola de cabeça praticamente em cima da linha. Os mandantes ainda tentaram abrir o placar em mais duas oportunidades, antes do intervalo.

Primeiro com Ramires, em arrancada pela direita, que terminou em conclusão na rede pelo lado de fora, e em outra batida de falta, desta vez de Teles, que acabou em nova intervenção de Matheus Nogueira. Juninho Potiguar, já na etapa final, aos nove minutos, recebeu no bico esquerdo da grande área e ‘chapou’. A bola saiu em tiro de meta. O time de Bragança Paulista continuou utilizando-se da bola parada. Moreira, aos 19 minutos, cobrou falta para fora.

Em seguida, Cristiano alçou a bola na área, também em lance originado em batida de falta, e Kauan cabeceou à direita do gol, pela linha de fundo. Guilherme Garré, aos 27, encontrou Bruninho na grande área, o atacante chutou cruzado e Fabrício agarrou. Bruninho, do Red Bull, foi outro que visou surpreender Matheus Nogueira, em arremate de falta, aos 29. O arqueiro quinzista espalmou. Nos instantes finais, Samuel Andrade foi expulso. O jogo seguiu sem gols.

 

Ficha técnica

 

Paulistão A2 – 1ª fase

10ª rodada

Red Bull 0x0 XV de Piracicaba

Data – 30/04/2021

Horário – 22h00

Local – Estádio Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista

Árbitro – Paulo Sérgio dos Santos

Assistentes – Herman Brumel Vani e Diogo Cruz Freire

Quarto árbitro – Jeferson Silvestrini

Avaliadora de campo – Regildênia de Holanda Moura

Cartões amarelos – Eliton Júnior, Ramires, Pires e Léo (RBB); e Moisés Egert, Gustavo Hebling, Juninho Potiguar e Felipe Manoel (XVP)

Cartão vermelho – Samuel Andrade (XVP)

Red Bull – Fabrício; Wallison, Kauan, Jhonatan e Moreira; Cristiano (Léo), Eliton Júnior (Pires) e Welliton (Venício); Teles, Bruninho (Brown) e Ramires (Everton) Técnico: Vinícius Munhoz

XV de Piracicaba – Matheus Nogueira; Cleiton Savedra, Renan Dutra, Adalberto e Ronaell; Felipe Manoel, Gustavo Hebling (Guilherme Garré) e Samuel Andrade; Mazinho (Bruninho), Juninho Potiguar (Maicon Souza) e Erison (Marlyson) Técnico: Moisés Egert

 

 

0 Comentário(s)
2

Você pode gostar

Deixe um comentário