Home Esporte São Bernardo: Marcelo Veiga avalia 1ª fase e projeta mata-mata

São Bernardo: Marcelo Veiga avalia 1ª fase e projeta mata-mata

por Nilton Castelo

Após conquistar a classificação na primeira colocação geral na 1ª fase da Série A2, 

o Tigre terá o Juventus pelas quartas-de-final. A única vantagem será decidir a segunda partida em casa. 

O técnico Marcelo Veiga avaliou a performance do São Bernardo até a 15ª rodada. Para ele, a competição pode ser dividida em dois cenários diferentes: antes e depois da pandemia. 

“Conquistamos a classificação de forma antecipada e na primeira colocação como tínhamos planejado lá no início. Mas com a paralisação, o campeonato mudou bastante. Nós não conseguimos manter o mesmo ritmo, assim como outras equipes também foram afetadas. Agora estamos buscando corrigir alguns detalhes como fizemos nos últimos três jogos e durante essa semana”, declarou Veiga. 

Até a paralisação, em 12 partidas, o São Bernardo havia sofrido apenas seis gols e tinha a melhor defesa da competição. Porém, nos três últimos jogos da 1ª fase, o time acabou sofrendo os mesmos seis gols. O treinador tem consciência disso e destaca que a equipe está treinando bastante para voltar ao ideal. 

“Temos que continuar trabalhando. Isso é algo que já estava previsto em função do longo período que ficamos sem treinar. Não é fácil retomar o trabalho e reajustar toda a equipe. Requer um pouco mais de tempo, mas estamos confiantes e trabalhando para ter essa condição agora para a fase mata-mata, que esse aspecto da defesa forte vai fazer muita diferença”, afirmou. 

Projetando o jogo contra o Juventus na próxima segunda-feira (07) na Rua Javari, Marcelo Veiga destacou que não pretende mudar a forma da equipe jogar. 

“Temos que encarar essa partida com responsabilidade. Vamos jogar fora de casa e sabemos da importância de colher um bom resultado. Eles vão fazer de tudo para buscar a vitória. Temos que ser inteligentes nessa primeira decisão. Vamos respeitar o Juventus, mas não vamos mudar a nossa forma de jogar. Importante destacar que agora cada detalhe pode ser fundamental para definir o resultado do jogo. Então temos que ter muita atenção a todos os pequenos detalhes para conseguir sair de lá com um bom resultado”, finalizou o comandante do Tigre. 

Para o confronto na Mooca, o zagueiro Guilherme Mattis, se recuperando de edema muscular, assim como o meia Léo Cereja, que se recupera de entorse no tornozelo são dúvidas. Já o volante Diego Lopes, que deixou a partida contra o Taubaté ainda no primeiro, é desfalque certo.  

Por outro lado, os atacantes Léo Jaime e Marlyson, além do volante Natan ficam à disposição após serem poupados contra o Taubaté. O volante Rodrigo Souza também pode voltar após cumprir suspensão. 

Fotos: Gabriel Goto
FG Assessoria de Comunicação
0 Comentário(s)
1

Você pode gostar

Deixe um comentário