Home Esporte Protocolo médico da A3 veta trabalho da imprensa nos treinos:

Protocolo médico da A3 veta trabalho da imprensa nos treinos:

por Nilton Castelo

Na noite de quarta-feira (29), os médicos dos clubes se reuniram em videoconferência para discutir o protocolo médico para retorno dos treinamentos na Série A3 do Paulistão a partir de 17 de agosto:

  No protocolo existem vetos ao trabalho da imprensa para realizar o seu trabalho como ocorria antes da pandemia.

O protocolo a ser entregue será o mesmo da Série A2, que pode sofrer adaptações caso ocorra um pedido expresso do Governo do Estado. Os médicos e dirigentes da FPF acreditam que nenhuma alteração ocorra.

Sobre o trabalho da imprensa está registrado na página 4 do documento, que o Esporte Jundiaí teve acesso. “É proibida a presença de jornalistas nos treinos e concentrações, exceção somente aos próprios profissionais de mídia e imprensa dos clubes devidamente incluídos neste protocolo”, está descrito no documento.

Pelo protocolo estão vetados repórteres de jornais impressos, de rádio ou de sites, equipes de televisão, fotógrafos de jornais impressos e sites e qualquer outro tipo de profissional que não seja da área de comunicação do clube. Somente estão liberados os assessores de imprensa, repórteres e fotógrafos diretamente ligados ao clube (contratados pelas agremiações).

Na Série A1, as assessorias de imprensa dos clubes realizam todo o trabalho para alimentar jornais, sites, emissoras de tv, e emissoras de rádio, disponibilizando entrevistas, fotos e gravações em vídeo.

Protocolo de jogos:

O protocolo para jogos ainda será elaborado. Deverá ser bastante semelhante ao da Série A1, e se for seguido a risca, grande parte da imprensa não poderá acompanhar os jogos in-loco.

O “Protocolo de operação de jogo para a conclusão do Campeonato Paulista 2020” na página 18 (está disponibilizado no site da FPF) limita a entrada de profissionais de imprensa apenas das emissoras detentoras de direitos de transmissão, além das assessorias de imprensa dos clubes.

– “Em todos os jogos, da imprensa, somente terá acesso aos estádios a equipe de TV detentora dos direitos de transmissão, em número reduzido e pré-estabelecido de profissionais identificados e numerados dentro de campo. Os jogos serão transmitidos por TV Globo, SporTV, Globoesporte.com e/ou Premiere”

– “Cada clube poderá credenciar 3 (três) profissionais de mídia ao gramado por jogo, para captação de imagens e vídeos e distribuição para a imprensa geral, além de 1 (um) assessor de imprensa, que deverá integrar a delegação do clube e terá acesso ao entorno do gramado ao fim de cada tempo. A FPF também poderá credenciar até três profissionais por partida”

– “Após as partidas, as entrevistas com treinadores e atletas, a exemplo da orientação para os treinos, serão realizadas pelas próprias equipes de TV dos clubes, com transmissão ao vivo ou gravação e disponibilização para a imprensa. Os veículos poderão participar das entrevistas enviando às assessorias de imprensa das equipes ou, quando for possível, por vídeo. Cada

clube fará seu credenciamento próprio para participação da coletiva virtual”

Por Thiago Batista.

0 Comentário(s)
1

Você pode gostar

Deixe um comentário