Home Diversos Flamengo repete placar sobre o Vasco e avança para final do Carioca

Flamengo repete placar sobre o Vasco e avança para final do Carioca

por Nilton Castelo

Vasco assusta, mas gol de Willian Arão derruba ímpeto cruzmaltino

O Flamengo repetiu, neste domingo (20) no estádio do Maracanã, o placar do primeiro jogo contra o Vasco na semifinal e garantiu vaga para a decisão do Campeonato Carioca para tentar o inédito tetracampeonato estadual. Com um gol de Willian Arão aos 8 minutos do segundo tempo, o Rubro-Negro agora espera o vencedor do confronto entre Fluminense e Botafogo, que duelam na outra semifinal a partir desta segunda-feira (21).

Precisando de uma vitória por dois gols de diferença para chegar à final, o Vasco começou a partida com uma postura diferente do primeiro confronto da semifinal. O time de Zé Ricardo tentava prender a bola no campo de ataque e, inclusive, teve a primeira grande chance do jogo. Aos 23 minutos, após um erro rubro-negro, a bola ficou com Figueiredo, que descolou bom lançamento para Nenê. O camisa 10 avançou pela esquerda e bateu firme, cruzado, obrigando o goleiro Hugo Souza a fazer grande defesa, botando para escanteio.

No minuto seguinte o Flamengo respondeu. Pedro recebeu passe, invadiu a área e soltou a bomba de perna esquerda. Thiago Rodrigues salvou e, no rebote, Gabriel Barbosa chutou em cima do zagueiro Anderson Conceição. Após a oportunidade, o Rubro-Negro passou a dominar as ações, enquanto o Vasco esperava a chance de contra-atacar.

O jogo ficou em um ritmo mais lento e outra oportunidade de gol só ocorreu aos 40 minutos do segundo tempo. Em mais uma boa jogada pela esquerda, Arrascaeta foi até a linha de fundo e tocou para trás. Gabriel Barbosa apareceu sozinho na marca do pênalti, tentou de voleio, mas pegou muito embaixo na bola e acabou mandando por cima da meta de Thiago Rodrigues.

O Vasco respondeu e, por muito pouco, não abriu o placar. Nenê conseguiu dominar na altura da meia-lua, escolheu o canto e tentou colocar no ângulo direito de Hugo. A bola passou tirando tinta da trave, mas foi para fora.

O segundo tempo começou como o primeiro, com o Vasco tentando avançar e chegando com perigo. Logo aos 2 minutos, Nenê tentou de perna esquerda no cantinho de Hugo, que se esticou todo, mas não alcançou. Sorte do goleiro que a bola foi para fora. No ataque seguinte, escanteio curto cobrado para Edimar, que soltou a bomba de perna esquerda, no ângulo de Hugo, que fez grande defesa e salvou o Flamengo.

O Rubro-Negro então se lançou ao ataque com Pedro, pela direita, que chutou no canto direito, mas Thiago Rodrigues defendeu. Na cobrança de escanteio, bola alçada na área e sobra para Arrascaeta. O camisa 14 tocou para o meio, Anderson Conceição desviou mal de cabeça e Willian Arão, sem marcação, apenas empurrou para o fundo do gol para abrir o placar.

O Vasco se perdeu em campo e o Flamengo começou a criar chances de ampliar. Aos 17 minutos, Arrascaeta encontrou Gabigol, que entrou sozinho na área, tentou encobrir Thiago Rodrigues, mas finalizou para fora.

A melhor chance do Cruzmaltino veio aos 20 minutos, quando Nenê cobrou falta pela direita, Hugo saiu mal, Anderson Conceição cabeceou na trave e Quintero finalizou para fora no rebote. Apesar do perigo, o assistente já havia marcado impedimento de Anderson Conceição.

Mesmo em vantagem, o Flamengo seguiu melhor em campo. Aos 35 minutos foi a vez de Marinho dominar na entrada da área e bater de perna esquerda para mais uma defesa de Thiago Rodrigues. Já nos acréscimos, o ex-jogador do Santos teve mais uma chance, e acabou jogando para fora. Final, vitória do Flamengo por 1 a 0.

Edição: Fábio Lisboa / Agência Brasil / Foto Gilvan de Souza /Por Maurício Costa

Você pode gostar

Deixe um comentário