Home Esporte Daniel Costa inicia tratamento para encarar a Lusa. Autor dos três gols do XV, meia pediu substituição devido a dores na coxa

Daniel Costa inicia tratamento para encarar a Lusa. Autor dos três gols do XV, meia pediu substituição devido a dores na coxa

por Marcelo Sá

Daniel Costa é o artilheiro do XV na Série A2, com cinco gols marcados. (Foto: Michel Lambstein)

Com a vitória por 3×2 sobre a Portuguesa, na última segunda-feira (7), no estádio Barão da Serra Negra, o XV de Piracicaba precisa apenas de um empate contra a Lusa para avançar para a semifinal do Campeonato Paulista da Série A2. O segundo jogo das quartas de final está marcado para a próxima segunda-feira (14), às 17h, no Canindé, em São Paulo. Decisivo no triunfo do Nhô Quim, o meia Daniel Costa realizou um feito inédito na carreira, ao marcar três gols em uma única partida.

“Foi a primeira vez na minha carreira que eu fiz três gols em uma partida. Estou feliz por ter conseguido esse feito, e principalmente por a gente ter vencido. Conversamos antes da partida e sabíamos que precisávamos levar uma vantagem para São Paulo, independente da quantidade de gols. Temos a vantagem, mas é claro que não vamos jogar com ela embaixo dos braços. Vamos para jogar o jogo. Foi importante ganhar a primeira partida e agora temos uma semana para corrigir os erros, descansar e treinar, para irmos forte em busca da classificação”, disse o meia quinzista.

Com dores na coxa, Costa foi substituído aos 21 minutos do segundo tempo contra a Portuguesa. “Pedi para sair, pois senti um desconforto no adutor, um pouco pesado. Não é nada preocupante, mas já comecei a tomar os medicamentos. Vou fazer o que precisa ser feito, a fisioterapia, continuar com a medicação, mas não será problema nenhum para o jogo da volta”, concluiu Daniel Costa, que assumiu a artilharia do clube na temporada 2020, com seis gols marcados, sendo um deles na Copa do Brasil.

Análise

“Todos nós aqui saímos felizes com o placar, a nossa torcida em casa também, mas é um jogo de 180 minutos. Fizemos o nosso dever e passamos a responsabilidade da vitória na segunda partida para eles, o que é importante, porém é necessária muita estratégia, estudar o jogo, saber marcar. Eles sairão em busca do resultado e nos darão o contra-ataque. São inúmeras possibilidades a serem analisadas para esse próximo confronto”, disse o técnico do XV, Evaristo Piza.

“Você sair perdendo de 2×0 em um cruzamento equilibrado como esse, com duas equipes de alto nível, é complicado, e o fato de contarmos com um time experiente ajudou muito para que revertêssemos a situação. Conseguimos o empate ainda no primeiro tempo, conversamos no intervalo, fizemos alguns outros ajustes e viramos o placar. Esse grupo merece. É um grupo que compete, não desiste e não se abate. Se não fosse assim, não conseguiríamos contornar essa situação. Os atletas estão de parabéns”, completou Piza.

Jogo-treino

Na tarde desta terça-feira (8), no estádio municipal, o XV de Piracicaba recebeu o Velo Clube para a realização de um jogo-treino, visando dar ritmo aos atletas que têm atuado pouco na Série A2. O adversário se prepara para a retomada da Série A3 do Campeonato Paulista. Com gols de Christian e Lucas Pavone, o Galo Vermelho derrotou o Alvinegro por 2×1. Filipe Cirne foi o autor do gol do Nhô Quim em cobrança de falta. O XV iniciou a partida com Fábio; David, Muriel, João Maistro e Samuel Balbino; Walfrido, Grígor e Filipe Cirne; Kelvin, Érik Gabriel e Érison.

 

0 Comentário(s)
1

Você pode gostar

Deixe um comentário