Home Falando com Deus COMBATER A AVAREZA;

COMBATER A AVAREZA;

por Sônia Alves
Definindo a palavra avareza:
Apego doentio ao dinheiro ; Mesquinhez, sovinice; Ciúme. Materialismo: Sistema dos que julgam que, no universo, tudo é matéria, não havendo substância imaterial. Tendência para tudo que é material, vulgar, grosseiro.
  Mas, é preciso ler com atenção a Bíblia para descobrir o que há por trás desse pecado feio.
A definição de avareza passa pelo oposto da generosidade, tudo o que não é generoso é avarento, mesquinho e sovina. A beleza da virtude da generosidade, que é o ponto de contato entre Deus e os homens, nada tem a ver com riqueza, mas com caráter. Pessoas ricas podem ser avarentas e pessoas humildes podem ser exemplos de generosidade.
O maior temor de um homem possuidor de bens é o de ficar pobre; por isso em geral, todos os homens ricos,temendo que isso possa ocorrer acabam por não ajudar ao seu próximo. Nesta matéria nós iremos aprender com Jesus e com a sua Palavra, como devemos fazer parar fugir da avareza.
Jesus declara que onde estiver o tesouro do homem aí estará também o seu coração (Mt 6.21). A generosidade e o bem-estar dos outros são campo bem seguro e confiável para investimento da vida e dos bens. Quando nosso Senhor nos ordena a acumular “tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói, e onde ladrões não escavam, nem roubam” (Mt 6.20), refere-se à causa do reino com sua capacidade vertical e horizontal, isto é, abrange os céus com a glória de  Deus, e a terra, com a salvação dos perdidos e assistência social aos desfavorecidos e necessitados.
Podemos entesourar, com ações evangélicas, nessas áreas, como nossos bens e dinheiro e colheremos para a eternidade ( Jo 4.36). Essas verdades nos vêm mais claramente quando lemos Mateus 6.24, em que o Mestre faz-nos entender que não podemos servir a dois senhores: “não podeis servir a Deus e às riquezas”. Se formos sinceros, reconheceremos que quando não somos generosos nos omitimos, porque o amor e o apego às riquezas foram mais fortes em nossa decisão.
Há muitos entre nós que poderiam e deveriam aplicar mais recursos no trabalho de Deus, mas preferem a indiferença e a omissão de um coração fechado e avarento.
Esta lição está especialmente alicerçada em oração para que Deus sensibilize seu coração e o liberte de todo egoísmo, para que mãos fechadas se transformem em mãos abertas e corações generosos: “minha prata e ouro toma, nada quero Te esconder”.
 Não deixemos que a avareza e a idolatria tomem lugar em nossos corações, para isso precisamos guardar três princípios:
– Jesus é o dono e Senhor de tudo o que possuímos (Sl 24.1; Fl 2:11; Atos 4:32; Lc 14:33).
– A vida do homem não consiste no que ele possui (Mt 4:4; Lc 12:15).
– É melhor dar do que receber (Atos 20:35).
0 Comentário(s)
4

Você pode gostar

Deixe um comentário