Home Esporte Autor do gol que deu o título ao Criciúma, Welinton comenta que maturidade do elenco foi fundamental para o triunfo

Autor do gol que deu o título ao Criciúma, Welinton comenta que maturidade do elenco foi fundamental para o triunfo

por Nilton Castelo

Maia marcou de cabeça o único gol da final do Catarinense Sub-17; a equipe chegou à final nos últimos quatro anos e ganhou dois títulos neste período

A equipe do Criciúma sagrou-se campeã do Campeonato Catarinense Sub-17. O time conquistou o título após vencer o time do Tubarão no placar agregado por 1 a 0. O gol foi marcado de cabeça pelo meia Welinton, no segundo tempo do primeiro jogo. A equipe Sub-17  chegou à final nos últimos quatro anos e ganhou dois títulos neste período. Foi a oitava vez que o Criciúma ganhou o título do Catarinense Sub-17.

“Foi um campeonato complicado. Tivemos algumas dificuldades na primeira fase e tivemos que nos unir e correr pra se acertar para segunda fase. Tudo isso ainda aconteceu no meio da pausa pra Copa do Brasil (Sub-17) e exigiu muita maturidade do elenco. Nos reunimos, conversamos e isso nos ajudou a melhorar o futebol do Criciúma. A equipe é forte e passar por tudo isso e ainda sair com o título só demonstra isso”, comentou o meia.

O meia também comentou a importância de fazer o gol na final que deu o título à equipe: “É ago especial. Um dos dias mais importantes e felizes da minha vida pessoal e profissional. O criciúma é um time importante e não é todo dia que a gente tem a oportunidade de fazer um gol em uma final de categoria grande como essa”, finalizou Welinton.

Após ganhar forças durante a Copa do Brasil da categoria, a equipe voltou para o segundo turno do Catarinense Sub-17 embalada. Desde então, não perdeu nenhuma partida dentro de casa, perdeu apenas uma partida fora de casa e conquistou quase 100% dos pontos disputados em clássicos. Foi a quarta vez consecutiva que a equipe do Criciúma chegou à final do Catarinense Sub 17 sob o comando do técnico Amauri Barasuol.

 

 

 

Créditos: Lucas Mendes
0 Comentário(s)
1

Você pode gostar

Deixe um comentário