Home Esporte “Não é fácil subir da base para o profissional em um clube de expressão como o XV”, diz Samuel Andrade

“Não é fácil subir da base para o profissional em um clube de expressão como o XV”, diz Samuel Andrade

por Marcelo Sá

(Foto: Michel Lambstein)

Revelado pelas categorias de base do XV de Piracicaba, o meia Samuel Andrade, que tem atuado como volante no time principal, conseguiu conquistar seu espaço no Nhô Quim. Devido as várias lesões dos meio-campistas do elenco, Andrade ganhou uma sequência de jogos no início da temporada e agradou a comissão técnica e diretoria do clube. Com contrato renovado até novembro de 2023, o meio-campista agradeceu a oportunidade dada pelo técnico Tarcísio Pugliese e ajuda que recebeu do elenco quinzista.

“Não foi fácil buscar o meu espaço, tanto é que nos dois primeiros jogos do Campeonato Paulista (Série A2) eu nem fui relacionado. Continuei trabalhando, pois sabia que uma hora poderia aparecer a oportunidade. O Tarcísio já havia falado comigo sobre essa possibilidade. Não é fácil você ter 19 anos, subir da base para o profissional e estar em um clube de expressão como o XV de Piracicaba, com tradição e uma torcida fanática. Você chegar e jogar no meio de tantos jogadores experientes não é fácil”, disse Samuel Andrade.

“Os atletas sempre me orientaram, me abraçaram, estiveram do meu lado, me aconselharam para que evoluísse. Isso ajudou muito no meu crescimento e sou grato a eles. Meu desempenho no time profissional vem sendo muito bom. Acredito que tudo é fruto de trabalho, de muito esforço, sacrifício, mas também sou muito feliz de trabalhar no grupo que estou hoje. O elenco sempre me acolheu bem, me auxiliando onde precisava melhorar. O Tarcísio sempre me orientou e deu tranquilidade para desempenhar um bom futebol”, ressaltou o meio-campista.

“Estou em um momento muito bom na minha carreira e feliz por estar no XV de Piracicaba. Espero dar sequência no trabalho. Minha preparação durante a pandemia tem sido muito boa e acredito que não vamos perder tanto na parte física. Estamos seguindo uma rotina de treinos que o Leonardo Tabai (preparador físico) tem passado para a gente e ela tem sido muito bem aproveitada”, concluiu Andrade.

 

0 Comentário(s)
1

Você pode gostar

Deixe um comentário